31/03/2023 às 21h32min - Atualizada em 31/03/2023 às 21h32min

Leia a lista de presentes que Bolsonaro ganhou durante o governo

Presidente recebeu 19.470 itens, como joias, camisas esportivas e até sunga

Poder 360
Bolsonaro está sendo investigado por joias avaliadas em R$ 16,5 milhões que não foram declaradas à Receita Federal - Foto: Reprodução/ Poder 360
O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) ganhou 19.470 presentes enquanto esteve no comando do Executivo. A maior parte da lista inclui itens museológicos (9.103), peças audiovisuais (5.806) e objetos como jornais, revistas e livros (3.448). A relação completa consta em pedido de Lei de Acesso à Informação feito no final do ano passado, ao qual o Poder360 teve acesso.

Eis as íntegras dos documentos com a relação completa do acervo:


Os produtos foram entregues por empresas, populares, autoridades nacionais e estrangeiras. Por exemplo: uma camiseta da seleção dos Estados Unidos –dada pelo então presidente Donald Trump em 19 de março de 2019, quando Bolsonaro foi visitá-lo.

Ao todo, Bolsonaro ganhou 448 camisas de futebol no mandato dele, de 2019 a 2022. Recebeu ainda 242 camisas polo, 165 terços, ursinho de pelúcia e até uma sunga.

Ao final do mandato, o presidente pode levar todos os presentes de caráter privado. Segundo o governo, a maior parte dos itens foi doada à União. O acervo textual e audiovisual (arquivístico) foi doado ao Arquivo Nacional. O bibliográfico, à Fundação Biblioteca Nacional.

O conjunto mais significativo de presentes (museológico) ficou sob a guarda de Bolsonaro.

JOIAS DE BOLSONARO

O acervo do presidente ganhou repercussão na mídia depois da descoberta de que um pacote dado pela Arábia Saudita com relógio, caneta, abotoaduras e anel não haviam sido declarados à Receita Federal. As joias são avaliadas em R$ 16,5 milhões. Seriam um presente do governo da Arábia Saudita para a então primeira-dama Michelle Bolsonaro. O material foi trazido na bagagem da missão chefiada pelo ex-ministro de Minas e Energia Bento Albuquerque àquele país em outubro de 2021.

A informação foi divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo em 3 de março mar.2023). As peças foram apreendidas no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo.  A Receita Federal manteve as joias. A legislação obriga que sejam declarados os bens que entrem no país e ultrapassem o valor de US$ 1.000. No caso, Bolsonaro teria que pagar imposto de importação equivalente a 50% do valor do produto e multa com valor igual a 25% ao total do item apreendido –um total de R$ 12 milhões.

Para entrar no país sem pagar o imposto, era necessário dizer que era um presente oficial para a primeira-dama e o presidente da República. Dessa forma, as joias seriam destinadas ao patrimônio da União.

Segundo a reportagem, o ex-chefe do Executivo tentou recuperar as joias outras 8 vezes, utilizando o Itamaraty e funcionários do Ministério de Minas e Energia, da Receita Federal e da Marinha. Não conseguiu recuperá-las.

Bolsonaro negou a ilegalidade das peças e disse estar sendo acusado de um presente que não pediu nem recebeu. Michelle também disse não ter conhecimento do conjunto.

Depois da publicação da matéria, o ex-chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social do governo Bolsonaro, Fabio Wajngarten, publicou uma série de documentos referentes ao caso e afirmou que as joias iriam para o acervo presidencial.

Apesar dos ofícios divulgados por Wajngarten, a Receita Federal disse no sábado (4.mar) que o governo Bolsonaro não havia seguido os procedimentos necessários para incorporar as joias ao acervo da União.

Na 3ª feira (7.mar), a PF (Polícia Federal) teve acesso a documento que mostra o 2º pacote de joias vindos da Arábia Saudita listado como acervo privado do ex-presidente. O novo documento contraria a versão de Bolsonaro, que alegou que as joias doadas pelo governo saudita seriam encaminhadas para o acervo da União.

Com a declaração da PF, Bolsonaro confirmou que a 2ª caixa de joias da marca de luxo suíça Chopard foi listada como acervo pessoal. No entanto, o ex-presidente seguiu negando a ilegalidade das peças.


Leia mais no texto original: (https://www.poder360.com.br/governo/leia-a-lista-de-presentes-que-bolsonaro-ganhou-durante-o-governo/)


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://vitalnews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp