06/03/2023 às 16h57min - Atualizada em 06/03/2023 às 16h57min

EX-POLICIAL MILITAR DO PR FAZ CONTEÚDO COM A FILHA PARA O ONLYFANS

Katy Kampa contou que ganha 20 vezes mais no OnlyFans

Por Cena Pop
Katy Kampa faz conteúdo erótico com a filha, Key Kampa - Foto: Reprodução/ Instagram@kah_kampa

A ex-policial militar Katy Kampa viralizou recentemente ao contar que fatura 20 vezes mais no OnlyFans do que no tempo em que trabalhava na segurança pública. Além de um perfil exclusivo, ela também faz conteúdo erótico com a filha mais velha, Key Kampa, de 21 anos.

“Quando ela fez 19 anos, ela achou interessante a possibilidade e veio conversar comigo. Eu fui explicar pra ela os riscos também de trabalhar com conteúdo adulto. Ela solteira, muito nova… Eu só comecei a trabalhar com isso depois de casada, mais velha e com filhos crescidos. Mas ela quis mesmo entrar nisso e começamos a fazer conteúdos juntas”, explicou ela, em entrevista ao Banda B.

À publicação, a criadora de conteúdo explicou que já fazia conteúdo adulto antes de entrar para a Polícia Militar do Paraná, em 2013. Após pouco mais de um ano, no entanto, ela deixou a corporação e passou a se dedicar ao OnlyFans.
 


“Quando entrei na polícia tive que me dedicar mais, é algo que requer muito tempo, então me afastei dos trabalhos eróticos. É muito difícil ser policial, sair para as ruas todos os dias e não saber se vai voltar. É um risco grande. Era um sonho ser policial e viver aquela realidade, mas quando você para pra pensar no tamanho do risco que está correndo, o salário defasado e que no mercado erótico você faz um trabalho que pode ser muito mais tranquilo e ganhar muito mais, foi meio que fácil fazer essa escolha”, ressaltou.

Casada, mãe de quatro filhos e avó de dois netos, Katy conta com a ajuda do marido 一 que trabalha na área jurídica 一 para fazer suas gravações e as fotos que compartilha por lá.

O fato de já ter sido PM, segundo ela, ajuda a faturar por conta do fetiche:

“Sempre tem muito conteúdo, posto muitas coisas lá, todos os meus fetiches são postados lá. Muitos assinantes sabem que já fui policial e isso instiga bastante. ‘Me prende’ é algo que escuto muito. Eles até pedem se tenho algum conteúdo fardada, mas prefiro não ter porque tenho medo de expor a polícia assim e ter algum problema jurídico”, completou.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://vitalnews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp