08/11/2023 às 21h26min - Atualizada em 08/11/2023 às 21h26min

Prefeitura faz “pouco caso” sobre transição do Hospital do Coração para o Hospital da Cidade; entenda

Assessoria do município não deu detalhes sobre como está funcionando o trâmite de passagem do equipamento privado para o ente público

Por Jornal de Alagoas
Reprodução


O Jornal de Alagoas entrou em contato nos últimos dias com a assessoria de comunicação do Hospital da Cidade, pertencente ao Município de Maceió, para saber com detalhes como vai o andamento da transição efetiva do equipamento. Porém, o que se obteve, foram ”respostas” vazias, sem detalhamento algum, sobre como a transição está sendo feita e o papel da prefeitura de Maceió.


O prefeito de JHC (PL), havia informado à imprensa, que o prédio do hospital pertence ao Munícipio, sendo assim, à reportagem perguntou quem faz a administração do hospital no momento, se é realmente o munícipio ou a Cardiodinâmica – empresa que faz, ou fazia, a administração do equipamento -, mas não recebeu respostas concretas.


Documento que a reportagem teve acesso, mostra que o contrato de cooperação técnica assinado para o Hospital da Cidade, foi assinado entre o Hospital Albert Einsten e a Cardiodinâmica, empresa privada que controla o HCOR. Ciente do fato, foi questionado como a Prefeitura vai dar andamento ao protocolo de intenções para administração da unidade pelo Hospital Albert Einstein, já que ela não é parte interessada no termo assinado.


A reportagem também questionou se há algum acordo entre a Cardiodinâmica e a Prefeitura com relação à administração da unidade de saúde. A ”resposta” de todos os questionamentos foi que as etapas estão seguindo sua transição normal. “Estamos em fase de transição”, disse a prefeitura,sem mais detalhes. Ela apontou que o site criado para dar transparência ao processo de compra do Hospital da Cidade garante esses detalhes, mas nele, não consta nada sobre a administração do equipamento.


Confira as perguntas do Jornal de Alagoas enviadas para a Prefeitura de Maceió:


Um documento ao qual o Jornal de Alagoas teve acesso mostra que o contrato de cooperação técnica assinado para o Hospital da Cidade, foi assinado entre o Hospital Albert Einsten e a Cardiodinâmica, empresa privada que controla o HCOR. Nesse sentido, como a Prefeitura vai dar andamento ao protocolo de intenções para administração da unidade pelo Hospital Albert Einstein, já que ela não é parte interessada no termo assinado?


O Prefeito JHC afirmou, à imprensa, que o prédio pertence ao município. Quem faz a administração do Hospital hoje? O município, ou a Cardiodinâmica?


Há algum acordo entre a Cardiodinâmica e a Prefeitura de Maceió com relação à administração da unidade de saúde?


Confira a resposta da Prefeitura:


”Todas as etapas estão seguindo sua tramitação normal. Estamos em fase de transição, que pode ser acompanhada pelo site https://hc.maceio.al.gov.br/ , criado para garantir total transparência ao processo. Em muito breve Maceió terá o melhor e mais moderno hospital público do Nordeste, o primeiro da história da cidade”. 


O espaço segue aberto para mais informações acerca do assunto.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://vitalnews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp